quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Ansiedade

tic...

tac...

tic...

tac...

tic...

tac...

...

...

...

Enquanto as mãos se agitam e se procuram,

tic...

O coração bate mais que o pêndulo do relógio,

tac...

Mil coisas passam pela cabeça,

tic...

O tempo segue se recusando a passar

tac...

Nenhuma idéia se prende à mente

tic...

...
...
...

tac...

...
...
...

tic...


Pablo de Araújo Gomes, 02 de Setembro de 2009